site cluny
 
 
Histórico de 2012
 
madeira
 

MISSÃO NO ESTREITO - MADEIRA «Palavra Manancial de Graça e de Alegria»  

A Missão teve início com a apresentação das 03 Irmãs missionárias de S. José de Cluny que vieram do Continente, e do grupo missionário de jovens do Estreito, na Eucaristia Vespertina de Sábado, dia 28, e nas Eucaristias de Domingo dia 29. (...)

 
csfx
 

COMEMORAÇÕES DE ANA MARIA JAVOUHEY NO COLÉGIO S. FRANCISCO XAVIER

O nascimento e o batismo de Ana Maria Javouhey celebram-se, respetivamente, a 10 e 11 de novembro, que foram, este ano, num sábado e num domingo. Mas, não podendo esquecer estes dois dias tão importantes para a nossa Congregação, o Colégio de São Francisco Xavier lembrou-os, junto dos seus alunos e Comunidade Educativa em geral, nos dias 9,10 e 12 de novembro. (...)

 

 
arronches
 

ARRONCHES - 25 ANOS DE PRESENÇA DAS IRMÃS DE S. JOSÉ DE CLUNY

Porque outras tarefas pastorais, desde há muito agendadas, não me permitem estar presente, venho, desta forma e neste dia, saudar todos os diocesanos de Arroches com seu Pároco e, de uma forma muito particular, as Irmãs de
S. José de Cluny. Se as Irmãs de Cluny celebram 25 anos de presença nesta simpática vila alentejana de Arronches, esta efeméride não se pode celebrar à margem da comunidade diocesana e paroquial.

 

 
pfvp
 

ALEGRE NOTÍCIA

No dia 1 de Setembro de 2012 as Irmãs de S. José de Cluny ficaram mais enriquecidas com a Profissão Religiosa da Noviça Olinda Maria Santos Ferreira e Votos Perpétuos da Irmã Cândida Natália Duarte. A cerimónia teve lugar na Capela do Colégio Nossa Senhora da Assunção, em Anadia. Presidiu a esta celebração o Sr. Bispo da diocese de Aveiro, D. António Francisco dos Santos. Outros sacerdotes foram concelebrantes.
O coro esteve a cargo de Professores dos Colégios de Anadia e de Coimbra.
Foi um momento celebrativo muito rico, que reuniu familiares e amigos, assim como um grande número de Irmãs vindas de várias comunidades da Província.
A alegre notícia da partida da Irmã Olinda para o Brasil onde fará a sua experiência comunitária e apostólica durante dois anos, suscitou uma grande salva de palmas.
No fim da celebração religiosa, foi o convívio fraterno e alegre na cantina do Colégio, com a animação criativa das Irmãs Junioristas.
A Congregação rejubila com este acontecimento e dá graças ao Senhor pelo SIM destas duas Irmãs que se propõem seguir Jesus Cristo em S. José de Cluny, disponíveis para realizar a Vontade de Deus em toda a parte onde houver bem a fazer e sofrimento a aliviar, a exemplo de Ana Maria Javouhey, expandindo assim o seu carisma e espiritualidade.

 

Veja as imagens
imagem 1 / imagem 2 / imagem 3
 
eleicao
 

ELEIÇÃO DA SUPERIORA GERAL E DO NOVO CONSELHO

De 27 de Maio a 27 de Junho passado, as Irmãs de S. José de Cluny tiveram o seu Capítulo Geral na Casa-Mãe da Congregação, situada em Paris. De entre os vários trabalhos realizados, as capitulares elegeram a nova Superiora Geral – Sr. Claire Houareau, natural das Seychelles - bem como o seu novo Conselho.

 

 
arronches
 

MISSÃO ARRONCHES

Na semana de 10 a 17 de Julho, cinco jovens acompanhadas pela Irmã Olinda Neves, desenvolveram uma semana missionária em Arronches. Esta foi a segunda vez, que a Vila Alentejana foi palco de uma Missão Cluny.
Acolhidas pela Comunidade de Irmãs de Arronches, o Grupo Missionário levou até ao povo alentejano “A semente da Palavra, fonte evangelização”, tema que orientou toda a semana.

 

(Ver mais)
 
cluny
 

"CAPÍTULO GERAL"

As Irmãs de S. José de Cluny encontram-se reunidas em Capítulo Geral. (...)

 

 
familia cluny
 

"EVANGELIZAR EM COMUNHÃO"

Era o dia 25 de Abril e Portugal tinha a bandeira verde e vermelha desfraldada! Mas isso faz parte de outra história… No que toca à história da Família Cluny, escreveu-se hoje uma bela página. Do Minho ao Alentejo, todo o género de viaturas percorria os caminhos desta Terra de Santa Maria em direcção à Casa de São José, em Torres Novas, para um grande encontro familiar. (...)

 

[Ler mais]
 
associados cluny
 

ENCONTRO DA FAMÍLIA CLUNY - TORRES NOVAS

PROGRAMA

09:30 Acolhimento
10:00 Oração da Manhã
Palavra de boas vindas e de acolhimento
Irmã Ludovina Lemos, Superiora Provincial
Conferência “A Carta Apostólica A PORTA DA FÉ:
Que desafios lançados aos leigos e consagrados neste Sex. XXI?”
Professor Doutor João César das Neves (UCP)
11:30 Intervalo
12:00 EUCARISTIA
13:00 Almoço
15:00 Tarde de Testemunhos e de Partilha
“SER MÃO E VOZ DE DEUS,
COMO ANA MARIA JAVOUHEY...”

 

[Cartaz do evento]
 
romeirinhos
 

ROMEIRINHOS DO COLÉGIO S. FRANCISCO XAVIER

Na Quaresma, os alunos do Colégio aprendem e seguem as tradição dos Romeiros de São Miguel (tradição só para homens)... Os familiares e amigos, acompanham-nos aqui e ali, e levam-lhes o farnel...

 

[Ler mais]
 
encontros
 

ENCONTRO NACIONAL DE ASSOCIADOS DAS IRMÃS DE S. JOSÉ DE CLUNY
COIMBRA - 2012

No dia 28 de janeiro de 2012, realizou-se em Coimbra, mais um Encontro Nacional de Associados das Irmãs de S. José de Cluny.

Logo pelas 9 horas, pela ladeira do Colégio Rainha Santa Isabel, a pé ou de carro, chegavam os participantes, uns com mais frio do que outros, dependendo dos lugares de onde vinham. No bar, o café quentinho e os bolinhos servidos pela Comunidade de Coimbra, aconchegavam a alma bem como a alegria do reencontro desta grande família, à medida que os cumprimentos e as habituais trocas de mensagens se faziam.

mesa

Já no Auditório Ana Maria Javouhey, os trabalhos tiveram início com a habitual oração que nos envolve num canto de louvor ao Senhor, na mensagem bíblica e na meditação. Logo de seguida, a Irmã Ludovina Lemos, Superiora Provincial, fez o acolhimento com uma mensagem de ternura e simpatia que a caraterizam, sublinhando a importância dos associados na colaboração com as Irmãs na missão evangelizadora e no serviço ao outro, na educação para os valores das gerações presentes e futuras, o legado de Ana Maria. Fez-se acompanhar das Irmãs que com ela compõem o Conselho Provincial,  que  teve início na sexta-feira anterior, para poderem estar presentes na primeira parte deste Encontro. Deu ainda a conhecer a toda a assembleia a constituição da nova equipa dinamizadora dos Associados, sendo esta coordenada pela Irmã Maria da Glória, tendo como colaboradores o José Luís Coelho (Coimbra), a Olga Oliveira (Anadia) e a Maria Carolina Ribeiro (Alcobaça). A Irmã Maria da Glória leu uma mensagem enviada pela Irmã Isabel Clode, de Maná, saudando todos os associados e dando notícias sobre a comunidade a que agora pertence.

assembleia

Neste ambiente aquecido pelo calor do espírito Cluny que nos une, os associados Ana Isabel Athayde  e José Luís Coelho, de Coimbra, apresentaram em diapositivos uma breve história da vida de AMJ, salientando os aspetos relevantes e que mais marcaram a sua ação missionária. Não se tratou de mais uma repetição, mas de uma oportunidade de descobrir algo mais sobre AMJ, em cada passo, em cada decisão, em cada sofrimento, em cada dificuldade por ela encontradas. Mas, agora, enriquecida que foi a apresentação confrontando os valores que alicerçaram a sua vida maravilhosa, profundamente enraizada nos princípios cristãos de uma humilde família francesa do século XVIII, com a perspetiva educativa da Mensagem de Bento XVI para o ano 2012, “Educar os jovens para a justiça e a paz”. Ambos colocam na educação dos jovens a esperança, sustentada na sua escuta e na sua valorização, no apreço pelo valor positivo da vida, orientada para o serviço do bem. Parecem do mesmo tempo! Como a própria Ana Maria diz na carta 981 “Temos de ser do nosso tempo para o ganhar para Deus”, ela que esteve sempre atenta às necessidades e a tudo o que a rodeava, perto e bem longe, vai e envia a “toda a parte onde há bem a fazer e sofrimento a aliviar”. Hoje sentimos que AMJ está cada vez mais presente e que nos encoraja com a sua mensagem e o seu testemunho de vida a darmos resposta aos apelos gritantes da sociedade atual.

apresentação

Conscientes da nossa missão de associados, ancorados no carisma da Congregação e confiantes num Deus que nos é muito próximo, que nos escuta, responde e nos ama, após um breve intervalo, juntámo-nos a Ele, na capela, onde estivemos em vigília de oração até ao almoço. A refeição é sempre um momento de satisfazermos o nosso apetite, bem como de partilharmos as vivências e experiências que vamos tendo em cada comunidade.

capela

A tarde que se seguiu foi orientada pelos associados de Anadia, que propuseram uma partilha, em grupos, da identidade de cada membro, do seu testemunho e vivência como associado, a partir de um texto bíblico. Foi uma forma de nos conhecermos e darmos a conhecer bastante enriquecedora, uma vez que em cada grupo estavam presentes elementos de todas as comunidades que participaram neste Encontro. Após um breve plenário, foi chegada a hora de cada grupo regressar às suas comunidades, sempre enriquecido com novas ideias, novos projetos e confiantes que estes encontros nos unem e nos tornam mais família Cluny no mundo hodierno.

grupos

Testemunho dos associados do Colégio de Anadia
28 de janeiro de 2012

Como já vem sendo habitual, no último sábado do mês de Janeiro, dia vinte e oito, realizou-se mais um Encontro Nacional de Associados, no Colégio Rainha Santa Isabel. Com uma bonita oração comunitária iniciámos o dia de convívio e reflexão. Após as acolhedoras palavras da Ir. Ludovina Lemos e da Ir. Maria da Glória Cordeiro, os Assocados do CRSI, propuseram-nos uma reflexão profunda sobre os momentos mais marcantes da vida notável de Ana Maria Javouhey. Um exemplo de abnegação, disponibilidade e serviço que nunca é de mais relembrar. Seguimos para a capela e, de forma intensa, partilhámos momentos de comunhão espiritual. Os salmos, as leituras e os cânticos cuidadosamente seleccionados permitiram a elevação do espírito e constituíram o momento alto de todo o encontro.

Reconfortados com uma saborosa refeição, formámos grupos de partilha e reflexão. Foi inspirador conhecer a vivência de outros associados, no que diz respeito à forma como testemunham o exemplo da Madre Fundadora.
Chegou o momento da despedida, e com ele uma ponta de comoção. Os laços estabelecidos ao longo destes anos de encontros e retiros, vão-se fortalecendo sob o olhar atento e carinhoso das Irmãs da Congregação e, de Ana Maria Javouhey. Bem hajam todos os que nos proporcionaram este encontro.

2º Retiro de Associados
Torres Novas:10,11 e 12 de Fevereiro de 2012

jardim

Nos dias 10, 11 e 12 de Fevereiro, realizou-se mais um retiro de associados na Casa de S. José em Torres Novas. Para muitos dos presentes, o primeiro sem a sábia orientação da Ir. Isabel Clode, ausente do país em missão evangelizadora. Os associados participantes iniciaram a pausa reflexiva com o encontro marcado para as dezanove e trinta, de sexta-feira. Fomos acolhidos de forma muito calorosa pelas Irmãs Idalina e Maria do Carmo, que nos indicaram os quartos e nos informaram sobre o horário a cumprir. Uma agradável surpresa: a presença na casa da Ir. Ludovina, que se encontrava em visita canónica à comunidade das irmãs. Ao todo, éramos cerca de vinte participantes, um alegre grupo que partilhou de forma fraterna a primeira refeição comum.

O primeiro encontro, orientado pelo Sr. Padre Ricardo Conceição, teve lugar após o jantar. Os encontros iriam estar subordinados a uma linha de reflexão profunda sobre o Evangelho de S. Marcos, a sua mensagem actual, e como que deve ser implicado na nossa vida quotidiana. Alternando momentos de prelecção com os de reflexão e oração individual, este retiro proporcionou-nos um período de aprofundamento do conhecimento da palavra de Deus e da sua importância vital para o crescimento do verdadeiro cristão. Para tal contribuiu ainda a vigília de Adoração do Santíssimo, que decorreu na capela, pelas vinte e uma horas e trinta de sábado, tendo-se prolongado até por volta das vinte e três, em ambiente de silêncio orante e recolhimento. Mais uma oportunidade de (re) estabelecermos laços de intimidade com Deus, que não foi descurada pelos participantes.

No domingo, a Eucaristia fortemente participada, incluiu o momento para a renovação dos compromissos e, para o acolhimento de novos associados. Contámos com a presença das Irmãs da comunidade de Torres Novas e ainda da Irmã Maria da Glória, atual responsável pelos Associados a nível nacional, e da Ir. Maria Eugénia, Superiora da Comunidade do Colégio Rainha Santa Isabel.

grupo

A habitual fotografia e o almoço, desta vez já não em silêncio, marcaram o encerramento de mais um retiro. Descrevê-lo como enriquecedor seria redutor, pois as marcas que ficam em todos os participantes são profundas. É um renascer espiritual e um restabelecer de prioridades na nossa vida. Sem os «ruídos» que nos perturbam o entendimento no dia a dia e com a clareza que só conseguimos quando paramos e olhamos para o nosso «Eu». 
Muito obrigada a todos quantos tornaram estes momentos possíveis. Muito especialmente, obrigada às Irmãs da comunidade de Torres Novas, que silenciosa e diligentemente nos proporcionaram o conforto e as refeições; às Ir. Idalina e Maria do Carmo, pela orientação e presença atenta e discreta e, finalmente, ao Sr, Padre Ricardo, sereno mas desafiante, que nos surpreendeu com as suas sábias palavras e conselhos, que nos obrigou a avaliar e reflectir sobre o que é a nossa vida e o compromisso que temos com Deus. Obrigada!                   

Associados do Colégio de Anadia

 
 
 
As Comunidades e Obras da nossa Província, a exemplo de Ana Maria, continuam na sua missão de “fazer todo o bem que podem” nas circunstâncias e locais em que se encontram.
Deixamos alguns ecos do que foram os últimos meses.
 
 
casa de são josé
 

A Casa de São José, em Torres Novas, esteve bem movimentada neste final e início de ano, nas suas diversas valências. Além das nossas Irmãs idosas e doentes, às quais dedicamos a melhor atenção, esta casa continua aberta a diversas actividades da Diocese e não só. Assim tivemos ultimamente:

Formação para catequistas da nossa vigararia, pois que, antes de se falar de Deus, é necessário o encontro pessoal com Ele.

Retiro para responsáveis do Movimento Convívios Fraternos, com belíssima animação litúrgica, muito apreciada pelas numerosas pessoas que, ao domingo, vêm celebrar a Eucaristia connosco.

Encontro de formação destinado a jovens que se preparam para o Crisma, sob o tem: “Onde moras? Vinde e vede!”

Também os seminaristas gostam do ambiente de recolhimento da nossa casa para um dia de retiro. Desta vez foi o jovem Padre Ricardo Madeira que os orientou.

Na época de Natal, o Colégio dos Navegantes, do Entroncamento, pediu-nos a capela para um Recital de Natal dos Navegantes, orientado por um antigo aluno do Colégio de Santa Maria. Actuaram 70 crianças do Infantário, vestidas de anjo, que cantaram canções ao Menino. Depois foi a vez de mais umas 200, do 1º e do 2º ciclos, que também cantaram e declamaram poemas. Teve muita qualidade este recital.

Abrimos também a casa a uma vizinha nossa, dona de um restaurante, que estava a passar uma aflição, porque lhe apareceu um grupo de pessoas conhecidas, para as quais já não tinha lugar. Recorreu às Irmãs pedindo que lhe dispensassem um espaço para o jantar de 35 pessoas. E assim aconteceu, com muita edificação para estas pessoas.

são josé

Acolhemos ainda 28 animadores do Movimento de Apostolado de Adolescentes e Crianças, para o seu encontro nacional de formação.

Nos últimos dias de Dezembro decorreu mais um Convívio Fraterno da diocese de Santarém, o nº 1.170, durante o qual 38 jovens partiram à aventura de descobrir Deus e o seu amor.

Depois foi a vez de os Associados Cluny fazerem o seu retiro, sob a orientação do já conhecido Padre Ricardo Madeira.

Além de se ocuparem da logística, as Irmãs, sempre que são solicitadas e têm disponibilidade, estão presentes nas diversas actividades, o que é também um bom testemunho para os respectivos destinatários.

 
paróquia de arronches
 
A comunidade de Arronches, no Alentejo, é composta por três Irmãs, que se desdobram para
“estar em toda a parte…”

No dia 29 de Novembro passado, reuniu pela primeira vez o Grupo Missionário. Composto por 11 elementos, contou com a presença muito apreciada e de grande apoio do nosso Pároco. O grupo vai ganhando cada vez mais entusiasmo. Uma das suas actividades foi ir cantar as Janeiras nos Lares de Idosos e Estabelecimentos púbicos.

Começou também a funcionar a Caritas, em Arronches. A Irmã Conceição Fernandes, responsável, não teve mãos a medir na preparação de cabazes de Natal, escolha e distribuição de roupa, bem como na venda de rifas para um sorteio de três prémios.

As crianças da catequese, integradas no Movimento da Infância Missionária, foram sensibilizadas para ajudar outras crianças que nada têm. No ofertório do Dia de Reis, levaram os mealheiros ao altar e, os mais crescidos, ofereceram material didáctico.

No dia 11 de Dezembro o Grupo Coral reuniu-se para um convívio, muito apreciado por todos. Começamos com a oração de Vésperas, muito bem cantadas, e o nosso Pároco proporcionou-nos uma bela reflexão sobre a leitura de Isaías. Depois foi o jantar partilhado.

foto

Mais uma vez, empenhadamente, colaboramos na campanha do 59º Dia Mundial dos Leprosos. Foram encomendados 200 postais e 25 livros, tendo sido necessário encomendar mais 25.

Estes são momentos especiais que acrescentamos ao nosso programa semanal na paróquia.

 
 
nogueiró
 

Como é bom viver em harmonia!...

No dia 30 de Dezembro, 11 Irmãs de Anadia vieram partilhar connosco o almoço de festa – a festa da nossa Comunidade.
À hora do convívio pós-almoço, vozes bem afinadas cantavam:

Boas Festas, Boas Festas,
nós aqui viemos dar
às Irmãs da Comunidade,
se as quiserem aceitar

simbolo

Como por acaso – que feliz acaso – também estavam presentes o Centro Infantil de Braga e o Lar do Porto.
A cada Visitação as mãos abriam-se largamente para espalhar à profusão as prendas mais variadas. Verificou-se, mais uma vez que, tal o amor duma Mãe, nesta partilha cada uma teve a sua parte e todas a tiveram inteira…Porém, o melhor que continuaremos a saborear é a fraternidade, a alegria e o calor deste encontro fraterno.

A 1 de Janeiro, a Comunidade do Noviciado conseguiu introduzir-se na nossa casa sem nós darmos por isso… Total efeito de surpresa! Traziam a ‘Sagrada Família’… Maria deu-nos a beijar seu Menino que, aparentemente muito satisfeito desta efusão de ternura, parecia murmurar: “mais um pouco”…

Bem hajam, queridas Irmãs do Sobreiro e de Santa Teresa, do Porto e de Braga! A Sagrada Família vos guarda em doce intimidade e gratidão! E sabem que podem sempre contar com a oração das vossas Irmãs mais idosas.

 
 
valtorno
 

Além das actividades habituais na nossa paróquia, queremos assinalar a preparação e vivência do Dia do Consagrado na nossa diocese.

Foi num clima de alegria que nós, as três Irmãs da comunidade de Valtorno, em união com a nossa diocese de Bragança, vivemos uma semana intensa de actividades concernentes à vida consagrada: exposições, testemunhos de vida, painéis vocacionais, encontros de confraternização e de estudo, de oração e de festa.

valtorno

Desafiadas pela equipa diocesana da CIRP, percorremos as aldeias vizinhas de Valtorno dando a conhecer a vida de consagração e o carisma da nossa querida fundadora, Ana Maria Javouhey.

Na linda cidade de Mirandela, num lugar cedido pela Câmara, foram montadas barraquinhas onde cada Congregação fez uma exposição sobre o seu carisma e origens, servindo-se de material variado.

A nosso pedido, duas Irmãs da Comunidade de Nossa Senhora da Muxima, no Porto, vieram ajudar-nos a preparar este evento e partilharam a festa connosco.

 
 
provincial
 
Fátima: casa Provincial, de Acolhimento e de Imãs Idosas

Uma das vertentes da nossa casa é o acolhimento. Por isso temos sempre quartos disponíveis e preparados para receber as nossas Irmãs e ficamos muito felizes por duplicar ou triplicar os elementos da nossa Comunidade.

De facto, muito frequentemente temos a casa cheia devido a vários acontecimentos: reuniões de equipas dos diversos sectores da pastoral; participação em semanas de formação, nomeadamente na semana de Estudos sobre a Vida Consagrada; reuniões do Conselho Provincial, etc.

fátima

As crianças da Catequese da Irmã Trindade, como já é costume, vieram desejar um Bom Ano e cantar as ‘janeiras’ às Irmãs. Dias depois, foi a vez do Grupo de Cavaquinhos e Cantares, aqui da freguesia, fazer a sua aparição. É sempre muito agradável receber uns e outros.

Tendo o privilégio de viver em Fátima, participamos regularmente nas actividades propostas pelo Santuário, duas de nós colaboramos nalguns serviços como voluntárias, e podem ter a certeza de que a todos lembramos junto da Senhora da azinheira.

Fátima, 25 de Fevereiro de 2012

 
 
bodas 2012
 

BODAS 2012

Bodas de Platina
Bodas de Rubi
Bodas de Diamante
Bodas de Ouro
Bodas de Prata
[Ler mais]


 
 

Casa Provincial
Av. Beato Nuno, 272 tel: 249 530 250
2495-401 Fátima